8.1.13

TEMPLO DE MANGA


É tempo
dos templos verdes
abrirem suas mil portas
e ofertarem seus pães benzidos
cores de horizontes derretidos
aos fazedores de compotas,
às bocas d’água,
às asas casadas,
às avulsas,
às asas crianças
e às sábias adultas
de todas as estações...

Em tempo:
e aos inventores de versos-pomos...

jiz

Imagem: http://www.portalsaofrancisco.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário