29.12.11

CRAVO OU ROSA?

Céu fechado neste lado da esfera...
Pingos da Criação
jogam-se à terra
infiltrando-se à vastidão...
E seguem seu curso cristalino
a favor da germinação
doando-se aos grãos do caminho...
No vai e vem das sementes,
milhões ressuscitarão da escuridão...
Fico a imaginar, entrementes, 
que poesia brotará por aqui, 
debaixo dos pés, logo ali...
Será que virá como um dedo 
e se abrirá como uma mão 
em exposição?
Ou nascerá afiada como uma espada? 
Virá amargoso veneno 
ou auxílio pro irmão? 
Virá verde verde 
ou verd'amarelado?
Virá a estrela vermelha, 
a magnífica bromélia do Cerrado?
Ou virá comestível, cor de vinho?
Virá vinho?
Virá sustento de abelha?
Será aveludado carinho,
ou corola espinhosa?
Será frondosa?
Se rosa,
- como uma prece -
de qual espécie?
A favor de qual cor?
Em comunhão
a qual coração?











Caraguatá ou Bromélia do Cerrado
Imagem: Fazenda Baía Grande, Facebook.

Para que o amor em flor se arrebente, 
terra e água tornam-se um na semente.  [jiz]









Nenhum comentário:

Postar um comentário